Comportamento

Cartões com conteúdos educacionais e gratuitos estimulam criatividade e autonomia das crianças

De Criança Para Criança tem mais de 50 modelos em sua plataforma com temas para alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental

A plataforma De Criança Para Criança (DCPC) tem mais de 50 cartões gratuitos, com desenhos feitos por crianças, prontos para serem usados como ferramentas de ensino, tanto pelos professores em sala de aula como pelos pais em casa, com conteúdos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. São 10 imagens para cada ano, com dois cartões para cada disciplina: geografia, matemática, português, ciências e história.

“A ideia dos cartões é aguçar a criatividade da criança, fazer com que ela crie um texto de acordo com a imagem que está vendo”, diz Vitor Azambuja, um dos criadores do DCPC, que tem o foco de ensinar e, ao mesmo tempo, desenvolver a criatividade, com o auxílio da tecnologia. “Além de assimilar o conteúdo, a criança também tem sua criatividade estimulada, elas passam a ser protagonistas da aprendizagem e os personagens do imaginário infantil ganham vida ao fazerem parte das disciplinares escolares”, 

O sistema funciona da seguinte forma: a professora de geografia, por exemplo, manda uma imagem e pede para o aluno criar uma história de geografia em cima desse cartão. A partir daquela imagem a criança cria a sua história da maneira como ela vê o tema. “Isso não impede que se misturem os cartões, pode juntar um de geografia com um de história. Eles são muito maleáveis e às vezes um cartão do segundo ano serve para o terceiro. Criamos uma metodologia muito versátil e isso para o professor é uma carta na manga”, afirma Azambuja.

Além dos cartões a partir da BNCC, a plataforma também oferece cartões lúdicos, com princesa na torre, dragões, indígenas entre outros. O uso da plataforma é fácil e simples. “Buscamos na tecnologia ferramentas para que, com apenas um clique num botão, o professor possa enviar o cartão, e depois de recebido o texto do aluno, ele possa ser analisado, corrigido e debatido com o aluno.”

Azambuja destaca que, com a pandemia, esse sistema de aprendizado, ganhou ainda mais vantagem para o ensino das matérias da BNCC. “Pensamos em como ajudar o professor a passar um trabalho que fosse criativo e que continuasse a falar a linguagem das crianças Temos muitos desenhos catalogados e a partir deles fizemos uma história só com desenhos de crianças. As crianças olham esses desenhos e escrevem uma história no celular ou no computador.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: