Arquivo da categoria: Esporte

Jemas: Jogos Escolares de Macaíba começam nesta segunda-feira, 17 de setembro

A edição deste ano dos Jogos Escolares de Macaíba (Jemas 2018) terá início nesta segunda-feira, 17 de setembro e prossegue até o dia 28. A competição vai contar com participação de estudantes de escolas públicas (municipal e estadual) e particulares.

Segundo os organizadores, esta edição vai reunir 36 escolas, envolvendo mais de 1.200 alunos em duas categorias: 9 a 11 anos; 12 a 14 anos, nos dois gêneros (feminino e masculino).

Para o secretário municipal de esportes e lazer, Flaubert Benício, as modalidades esportivas dos Jemas 2018 são: Futsal, Futebol Society (Fut7), Vôlei, Xadrez, Capoeira, Atletismo, Handebol, Jiu-Jitsu, Ginástica Olímpica e Ginástica Rítmica. Os polos de jogos serão: Vila Olímpica, Ginásio de Traíras e Ginásio Edilson Albuquerque (Centro).

Congresso técnico

Ainda de acordo com Flaubert, na tarde desta sexta-feira (14), no Centro de Cultura, no horário das 15h, acontecerá um congresso técnico referentes aos Jemas 2018, onde serão repassadas todas as informações a respeito das competições. Esse evento vai reunir todos os responsáveis pelas equipes/escolas envolvidas nos jogos em questão.

Meia Maratona do Sol ganha ruas de Natal neste sábado (16)

A 5ª edição da Meia Maratona do Sol acontecerá neste sábado (15), reunindo mais de 7 mil atletas, a largada ocorre pontualmente às 16h, no pátio externo da Arena das Dunas, em Natal, para as distâncias de 21km, 10km e 5km. A entrega dos kits teve início nesta quarta-feira (12) e segue até a sexta-feira (14), das 10 às 22h, no 3º piso do Midway Mall. Pensando nos maraturistas, atletas que viajam o país para participar de corridas de rua, a entrega do kit do atleta será estendida até o sábado (16), das 10h às 12h.

O kit é composto por número de peito, camiseta em tecido tecnológico, chip de cronometragem eletrônica e regulamento da prova. No momento da retirada do kit, o responsável deverá conferir os dados, número de peito e chip. “Vale lembrar que o atleta que não retirar o material no dia e horário estipulado fica impedido de participar da corrida, uma vez que os itens são obrigatórios desde a largada”, explica Gabriel Negreiros, um dos organizadores.

Associada a temáticas como saúde, bem estar e qualidade de vida, além de incentivar a prática de esporte, a prova desperta nos corredores a solidariedade. Na entrega do kit do atleta, os corredores poderão doar um quilo de alimento não perecível. Todos os mantimentos arrecadados serão destinados ao Armazém da Caridade, entidade filantrópica sem fins lucrativos do Rio Grande do Norte, que presta um serviço social ao Estado há décadas. A meta da organização neste ano é contribuir com mais de sete toneladas de alimento.

Percurso – Nesta edição, a prova é repleta de novidades que não poderiam faltar no percurso, que teve 10% de sua rota modificada para tornar a corrida ainda mais agradável aos oito mil corredores. Mesmo sabendo que encontrar um trecho absolutamente plano em Natal é uma tarefa muito difícil, a organização investiu todos os esforços em minimizar as dificuldades do percurso, que terão trajetos de 21km, 10km e 5km.

No começo da prova, os atletas não sentirão diferenças do novo caminho, ao partirem da Arena, chegarem à marginal da BR-101 e acessarem o túnel em direção à Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). “O percurso todo de ida acontece contra o vento. O atleta sai da Arena das Dunas em direção à Via Costeira encarando a famosa brisa natalense de frente”, comenta Gabriel Negreiros.

A prova segue pelo anel viário do Campus até a Rua Solon Miranda, liga a UFRN a Engenheiro Roberto Freire, margeando a cerca do Parque das Dunas. Deste ponto, a atleta seguirá pela Avenida Engenheiro Roberto Freire até a Via Costeira. “Já que aumentamos o percurso da reta final da prova, diminuímos o retorno na praia. Nós corríamos boa parte da via, mas agora, logo após o hotes Sehrs, cerca de 1,5Km, o corredor já retorna”, explica Nivaldo Pereira, um dos organizadores.

“As ladeiras em Natal são inevitáveis e aumentamos ainda mais uma na prova deste ano que é a subida do viaduto do Quarto Centenário”, explica Nivaldo Pereira. A organização também relembrou que os corredores sempre seguem no sentido normal das vias. “Antes nós usávamos a via também na contramão do fluxo de veículos”, explicou.

De acordo com Nivaldo, um dos trechos mais complicados para os competidores é o local de retorno na Via Costeira. “É um trecho bem difícil aquele da saída da Via Costeira retornando a Engenheiro Roberto Freire, pois temos uma ladeira íngreme e com cerca de 200m de distância a ser percorrida. No entanto, depois o atleta tem um pouco de calma porque já está voltando a favor do vento, em um local que é a parte mais plana da prova. Na sequência, o atleta volta à UFRN, acessa a marginal da BR-101 no sentido normal e chega ao viaduto do Quarto Centenário”, explica.

Após o viaduto, outra novidade. O atleta passa em frente ao Sebrae/RN, entra à direita na Romualdo Galvão e retorna passando pelo túnel que liga a Romualdo à BR-101 já no sentido Parnamirim. Contorna a Arena das Dunas e segue rumo à chegada, no bairro de Lagoa Nova.

Trânsito – A corrida provocará alterações mínimas no trânsito em toda a área que compreende o trajeto da prova, sob o monitoramento da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), Comando da Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) e Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os agentes vão supervisionar toda a extensão das três opções de percursos e, também, os locais onde serão necessários bloqueios viários para o deslocamento seguro dos competidores, condutores de veículos e os pedestres.

O ordenamento no trânsito começa a partir das 13h. As principais alterações acontecem nas Avenidas Romualdo Galvão e Engenheiro Roberto Freire. No caso da Romualdo, o tráfego no túnel será suspenso durante toda a prova. Já nas vias da Roberto Freire, apenas uma das faixas segue livre. Uma será bloqueada para passagem dos corredores durante a prova, com acréscimo de via de mão dupla. A previsão é de que as vias sejam liberadas após 19h30.

Trechos interditados e monitorados pela STTU, CPRE e PRF

Marginal da BR 101 sentido Natal Shopping;

Marginal da BR entre o Via Direta e o viaduto do Quarto Centenário;

UFRN, desde o acesso ao túnel de Candelária até a Rua Solon de Miranda Galvão;

Avenida Engenheiro Roberto Freire, lado do calçadão;

Via Costeira, lado das dunas;

Avenida Romualdo Galvão, entre a Lima e Silva e a Miguel Castro;

Túnel da Romualdo.

Calendário nefasto detona clubes do Rio Grande do Norte

Estamos ainda em agosto e o costume sempre saudável de buscar nas emissoras locais que transmitem futebol as notícias dos times locais e as datas de seus jogos já não consegue respostas satisfatórias. ABC, América e até o Globo de Ceará Mirim já deram adeus a temporada de 2018 faltando ainda quatro meses para o fim do ano. E é bom lembrar: quatro meses que costumavam serem decisivos em matéria de desfecho de disputas de campeonatos, fossem no Rio Grande do Norte ou em qualquer outro estado ou região do país.

ABC, América e Globo de Ceará Mirim, os três principais times de futebol profissional do Rio Grande do Norte, já não são protagonistas de nada no ano de 2018, desapareceram das manchetes e só estão presentes nas enfadonhas resenhas e nos comentários lamentosos dos analistas locais.

Já não dá mais para ouvir pelo rádio local as narrações ao vivo de nossos locutores, nem o som envolvente dos torcedores na Arena das Dunas, no Frasqueirão ou no Barretão. Mas, afinal o que está acontecendo com o nosso futebol, quem é realmente culpado por esse sumiçõ antecipado?

É de praxe se ouvir falar que a culpa por esse final antecipado de temporada dos times locais deve ser computada na conta dos dirigentes dos clubes. Pode ser até que esse prognóstico tenha algo a ver com a questão, mas certamente a culpa mesmo tem outros responsáveis – o buraco é mais embaixo, ou mais em cima, depende de quem observa.

A culpa maior e fundamental para este estado de coisas no futebol do Rio Grande do Norte, que também atinge outras federações do país, é do calendário do futebol brasileiro imposto pela CBF. Não se pode entender, nem tampouco acatar, que um calendário que contempla dois campeonatos tão ecléticos, como a Série C e a Série D do Brasileiro, termine para muitos clubes ainda no mês de julho. Isso é uma graduação nefasta absurda, derruba qualquer tipo de planejamento feito pelos dirigentes dos clubes, impossibilita maiores investimentos e pune hipocritamente torcedores de futebol de vários estados do país.

Agora, sabemos que não se pode culpar apenas a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) por seu calendário safado, mas também as federações de estados menos desenvolvidos economicamente que dão seu aval ao descalabro, e também aos próprios clubes menores que participam como cordeiros mansos dessa encenação degradante para o esporte.

O calendário do futebol brasileiro, este mesmo que pôs fim as temporadas de ABC, América e Globo de Ceará Mirim, é um dos importantes responsáveis pela manutenção do domínio do eixo Sul-Sudeste do esporte dominante no Brasil.

(Informações do Blog Clássico Rei, Portal Foco Nordeste)

Chapinha reforça Cruzeiro de Macaíba na disputa pelo acesso

Sem futebol dos grandes clubes no segundo semestre deste ano, torcedores potiguares estão na expectativa da disputado do Campeonato Estadual da Segunda Divisão da Federação Norte-riograndense de Futebol (FNF). Seis equipes disputam o aceso à elite do futebol do RN.

Em Macaíba, torcedores do Cruzeiro estão animados com a participação do azulão na competição. Nesta segunda-feira (27) foi anunciado o nome do experiente meio-campista Chapinha, 34 anos. O jornalista Sérgio Silva, do programa Três Toques, confirmou a contração de Chapinha no final da tarde de hoje.

Chapinha é natural de São José de Mipibu, já defendeu várias equipes tradicionais do futebol brasileiro dentre elas, Botafogo/PB, Treze/PB, Campinense/PB, Itabaiana/SE, Boa Esporte/MG e Mogi Mirim/SP.

Briga pelo acesso

Com vasta experiência na disputa de campeonatos importantes como o Brasileiro da séria B, C e D, o atleta é uma das grandes apostas do Azulão Macaibense para conseguir o acesso à elite do futebol potiguar. Além de Chapinha, o Cruzeiro já conta no seu elenco com o Calebe, que estava no Guarani de Juazeiro e que disputou o estadual deste ano pelo Força e Luz/RN.O Cruzeiro está no Grupo 2 e estreia na segunda divisão contra o Alecrim, no dia 23 de setembro. Além das duas equipes, o Palmeira de Goianinha fecha o Grupo 2.

Macaibense conquista Campeonato Estadual de Fisiculturismo

O atleta Ítalo Max conquistou, mês passado, em Natal, o Campeonato Estadual edição 2018 da categoria Men´s Physique até 1,78, da Federação Potiguar de Musculação Fisiculturismo e Fitness (IFBB/RN). Os critérios avaliados foram: volume muscular, simetria, proporção e definição. Max mandou bem em todos. Amante da categoria esportiva, o atleta macaibense vem acumulando bons resultados. Em 2017, ele foi campeão na categoria Estreantes e Overal. Os resultados o colocaram no Top 3 do Rio Grande do Norte. Graduado em educação física, o jovem é proprietário de uma das academias de musculação mais movimentadas de Macaíba, onde ele atua como professor e personal trainer.

O fisiculturismo é uma categoria esportiva de sucesso mundo afora, no RN, a cada dia vem conquistando novos adeptos. Seguindo essa tendência mundial associada aos bons desempenhos, Ítalo planeja, ainda para este ano, alçar voos maiores disputando o NTT Classic de Fisiculturismo, em dezembro, na cidade de São Paulo, que serve como seletiva para o Arnold Classic 2019. Para isso, o atleta espera contar com a sensibilidade de empresários no sentido de concede-lhe patrocínio para condicioná-lo a participar de tais competições.

“Meu desejo é conseguir vínculos com as empresas buscando angariar apoios para participar das grandes competições. Tenho ótimos resultados nos campeonatos locais, porém, para concorrer nos grandes torneios os custos com passagens, alimentação e hospedagem são altos. Neste sentido, é fundamental contar com a parceria de patrocinadores”, destacou Ítalo.

Não é apenas o lado estético. O fisiculturismo é uma atividade esportiva que exigi disciplina corporal, alimentar e psicológica em alto nível. Max conta que passa meses se preparando para os campeonatos. Tudo à base de uma alimentação regrada a alimentos saldáveis, dieta extremamente calculada, equilíbrio mental e educação física que indubitavelmente proporcionam uma sinergia positiva entre o físico e o psicológico visando colocar Macaíba no degrau mais alto do pódio do Fisiculturismo.

Futsal, society e karatê dos Jogos dos Comerciários estão com inscrições abertas

A 18ª edição dos Jogos dos Comerciários está com inscrições abertas nas modalidades futsal e futebol society até dia 10 de agosto. Atletas interessados (a) na modalidade karatê podem garantir a vaga na competição até dia 06/09. A iniciativa é do Sistema Fecomércio, realizada por meio do Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (Sesc RN). Os torneios acontecerão em Natal e Mossoró.

As inscrições para as três modalidades podem ser feitas nas centrais de relacionamento do Sesc Cidade Alta, em Natal, e do Sesc Mossoró. Os jogos de futsal e futebol society são voltados exclusivamente para trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo e seus dependentes, e as inscrições custam R$ 10. Na modalidade karatê, a taxa de inscrição para trab. do comércio e dependente é de R$ 10, enquanto para a comunidade em geral é de R$ 15.

O torneio de futsal e o karatê em Natal acontecerão no ginásio da unidade Sesc Cidade Alta entre agosto e novembro, enquanto a modalidade futebolsociety terá como sede dos jogos o Sesc Zona Norte. Em Mossoró, as competições de futsal e society serão realizadas na unidade Sesc da cidade.

Serão promovidos ainda congressos técnicos para as equipes de futsal e society: na capital potiguar, às 19h do dia 15 de agosto para todos; em Mossoró, o congresso para atletas de futsal será no dia 20 de agosto, e para os de society no dia 21, ambos às 19h.

As aberturas do projeto acontecerão em Natal dia 17/08, às 19h; e dia 24/08 em Mossoró, também às 19h. A premiação contará com troféus e medalhas para as equipes classificadas em primeiro, segundo e terceiro lugares.

Jogos dos Comerciários – Os Jogos dos Comerciários representam mais uma ação do Sesc RN com o intuito de fomentar a prática de exercícios físicos. Alia lazer, combate ao sedentarismo e integra os comerciários em torno do esporte. Além disso, oferece torneios com o padrão Sesc de organização, arbitrados por profissionais qualificados.

Até novembro deste ano, a 18º edição dos Jogos dos Comerciários realizará ainda torneios de futsal, futebol society e natação em Natal, Macaíba, Caicó e Assú.

Inscrições abertas para colônia de férias do Sesc em Macaíba

Atividades recreativas, esportivas, culturais e artísticas para tirar as crianças de casa nas férias. Inscrições até 29 de junho ou enquanto houver vaga

Uma colônia de férias repleta de atividades lúdicas e esportivas voltadas a crianças de quatro a 12 anos de idade. É esse o intuito do Brincando nas Férias, projeto do Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (Sesc RN), instituição do Sistema Fecomércio. Em Macaíba, as inscrições podem ser feitas até dia 29 de junho na central de relacionamento da unidade da cidade, e a programação acontece de 2 a 6 de julho.

Gincanas, oficinas, contação de histórias, cinema, brincadeiras populares e passeio fazem parte da programação. Para oferecer às crianças atividades lúdicas que promovem aprendizados durante o período de férias, o Sesc tem o cuidado de unir uma equipe multidisciplinar para acompanhar os pequenos.

Os valores são diferenciados para cada categoria de associado Sesc: R$ 35 (dependente de trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo); R$ 50 (dependente de conveniado); e R$ 70 (público em geral). A taxa inclui camiseta, boné, lanche, passeio e todas as atividades lúdico-esportivas.

O Brincando nas Férias também vai acontecer nas unidades Sesc de Mossoró (25 a 29 de junho) e Zona Norte, em Natal (24 a 29 de junho). Em dezembro, o projeto desenvolverá ainda atividades em Caicó e Potilândia. Além disso, o Sesc Caicó está com uma programação de férias voltada a jovens de 12 a 17 anos ainda em julho deste ano com o projeto Desafio Jovem, cujas inscrições já estão abertas.