Arquivo da categoria: consumidor

COSERN DÁ DICAS DE ECONOMIA NO USO DE ENERGIA ELÉTRICA PARA ENFRENTAR O CALOR

Conheça as diferenças entre ventilador, climatizador e ar condicionado e faça as contas na hora de comprar o aparelho que vai garantir mais conforto no verão

As temperaturas estão subindo cada vez mais com a proximidade do final do ano e a chegada do verão. Um aparelho de ar-condicionado em dias de muito calor é a garantia do conforto que todos desejam – especialmente em lugares de altas temperaturas como é o caso do Rio Grande do Norte.

Mas, antes de investir nesse eletrodoméstico (que representa o maior consumo de energia elétrica em uma residência)  é preciso avaliar bem as necessidades reais e o impacto financeiro na conta de energia elétrica no final do mês. Existem outros aparelhos que também servem para refrescar um ambiente, tais como ventiladores e climatizadores, cada um com suas particularidades e consumo de energia elétrica específicos.

A Cosern lembra que, seja qual for a sua escolha, é importante lembrar-se do consumo consciente de energia elétrica. No quesito financeiro, por exemplo, o ventilador sai na frente. De acordo com dados da Eletrobrás, um ventilador portátil pode consumir até 12 vezes menos energia do que um ar condicionado. Mas é preciso levar em consideração aspectos como problemas respiratórios e alergia à poeira, por exemplo, na hora da compra.

Seja qual for a escolha, o é importante destacar que a economia também depende do uso consciente dos aparelhos elétricos. Desligar os equipamentos quando não houver ninguém no ambiente é uma dica muito importante.

A seguir, outras dicas da Cosern para você avaliar as vantagens e desvantagens de cada tipo de aparelho que vai lhe ajudar a encarar o calor do verão com conforto e economia:

Ventilador: De acordo com o Manual de Consumo Consciente de Energia da Cosern, a potência média de um ventilador é de 100 W. A desvantagem é que essa não é a melhor opção para quem tem problemas respiratórios e alergia à poeira, já que o aparelho ajuda a espalhar partículas e direciona o vento para um único ponto, além de não umidificá-lo.

Ar-condicionado: No caso dos aparelhos de ar-condicionado, a principal vantagem é o conforto térmico. No entanto, ele consome mais energia e costuma deixar o ar mais seco. Se a sua escolha for comprar um desses, uma dica para minimizar o problema é deixar uma bacia com água no ambiente para ajudar a umidificar o ar.

A potência do ar-condicionado residencial normalmente varia de 900 W a 1.400 W. Em média, ele consome mais de 190 kWh ao mês – se ligado durante oito horas por dia – mais que o dobro do consumo do chuveiro elétrico e mais que o triplo da geladeira.

Ainda sobre o ar-condicionado, este não deve ser instalado em locais expostos ao sol nem na parte de baixo das paredes e, durante o seu uso, portas e janelas devem ficar bem fechadas quando estiver ligado, além de ser muito importante não esquecer de limpar os filtros regularmente.

Climatizador: São aparelhos que conseguem reunir vantagens tanto do ventilador quanto do ar-condicionado. O aparelho promove a circulação do ar em todo o ambiente e também consegue manter o ar úmido, através da evaporação de água. Entre as vantagens, está o fato de ser mais econômico do que o ar-condicionado, mais barato e mais leve, o que facilita o transporte para diversos lugares.

Para quem tem problemas respiratórios, o climatizador de ar é a opção mais adequada. A potência varia de 130 W a 1.500 W. Mas atenção: como o objetivo do climatizador não é refrigerar o ambiente – e sim ventilar e umidificar –, ele não é um equipamento adequado para ser usado em lugares já excessivamente quentes e úmidos.

Atenção ao Selo Procel: É importante lembrar que os equipamentos com Selo Procel de Economia de Energia são os mais econômicos. Muitas pessoas confundem este selo com a Etiqueta do Inmetro, que avalia o nível de eficiência energética dos equipamentos e classifica por categorias, sendo A os mais eficientes, e podendo chegar de C até G, dependendo do produto.

O Selo Procel, cuja coordenação cabe à Eletrobras, é uma ferramenta simples e eficaz que permite ao consumidor conhecer, entre os equipamentos e eletrodomésticos à disposição no mercado, os mais eficientes e que consomem menos energia dentro de sua categoria. Para isso, são estabelecidos critérios técnicos exigidos para a concessão do Selo Procel.  O Selo é colado no produto com a frase: “ESTE PRODUTO CONSOME MENOS ENERGIA”.

Brasil Mostra Brasil começa nesta sexta-feira (31) na Arena das Dunas

A Multifeira Brasil Mostra Brasil volta a Natal com a 24ª edição do evento, entre os dias 31 de agosto e 09 de setembro, na Arena das Dunas. Atraindo milhares de potiguares, a mostra sempre foi sinônimo de sucesso na cidade, e neste ano amplia em mais de 10% sua área de exposição.

“No primeiro ano na Arena das Dunas (2015), em nossa 20a edição, tivemos um aumento de 50% na área do evento em relação as edições realizadas no Centro de Convenções, com um espaço de 7.500m². Em 2016 crescemos mais de 15% em relação ao ano anterior, com 9.000m² de área de exposição. No ano seguinte, a Multifeira alcançou 10.000m². Em 2018 o evento terá cerca de 11.000m² de área de exposição e mais de  12.000m² de área total de evento, o que equivale a um crescimento de 10%”, afirma o diretor da Brasil Mostra Brasil, Wilson Martinez.

Além da área física, a Multifeira ampliou também o número de expositores, superando a marca de 350 empresas participando nos dez dias de evento. “A cada edição conseguimos envolver uma parcela maior de parceiros, sempre com nosso foco voltado para o mercado local. Nossa intenção é cada vez mais trazer o empresário potiguar para o evento”, garante Wilson Martinez. Este ano, a grande novidade é a realização da 8ª  Feira de Livros e Quadrinhos de Natal (FLiQ), que acontecerá junto com a Multifeira Brasil Mostra Brasil, e que contará com mais de 100 horas de atividades culturais gratuitas. Serão palestras, debates, cordel, oficinas, lançamentos de livros, quadrinhos,  games, robótica, sessões de autógrafos e apresentações artísticas.

A Multifeira é consagrada pelas diversas opções de produtos expostos. Com expositores nacionais e internacionais, são inúmeros segmentos representados, entre eles móveis, roupas, eletrônicos, artigos de decoração, utilidades domésticas, calçados, eletrodomésticos, artesanato, automóveis, dentre outros.

Assim como em anos anteriores, a Brasil Mostra Brasil cresce cada vez mais em público: neste ano, a expectativa dos organizadores é de receber mais de 100 mil pessoas. Os visitantes poderão contar ainda com estacionamento rotativo de três mil vagas e praça de alimentação. A Brasil Mostra Brasil deve gerar cerca de 700 empregos diretos e indiretos.

Conta de energia elétrica já pode ser paga em casas lotéricas da Caixa Econômica

A Cosern, empresa do Grupo Neoenergia, e a Caixa Econômica Federal (CEF) formalizaram, nesta sexta-feira, a renovação do convênio que permite às casas lotéricas arrecadar as faturas de energia elétrica a partir deste sábado, dia 14.

O acordo firmado atende à solicitação da sociedade, assegura ganhos para a Caixa Econômica Federal e para os agentes lotéricos, além de mais opções de pagamento das contas de energia para os clientes da Cosern.

Além do retorno das lotéricas como canais de arrecadação, os mais de 1,4 milhões de clientes da Cosern permanecem contando com outros cerca de 300 locais de pagamento, entre a nossa rede própria “Cosern Serviços” e correspondentes bancários.

A Cosern possibilita, ainda, a quitação das faturas de forma prática, sem necessidade de deslocamento, por meio de débito automático. Em respeito aos clientes, a Cosern reafirma o compromisso com a qualidade dos serviços.

Top of Mind: Pesquisa registra marcas reconhecidas pelo consumidor natalense

Na noite desta segunda-feira (25), o empresariado potiguar reuniu-se para a entrega do prêmio Top of Mind. Realizado pelo grupo Foco de Comunicação, o evento premiou as marcas mais reconhecidas pelo consumidor natalense. Tendo como anfitrião o jornalista e publicitário Marcus César Cavalcanti, a entrega dos troféus aconteceu no Centro de Convenções de Natal.

O público lembra de uma marca devido sua qualidade, boa publicidade e o valor agregado a um serviço de qualidade. Saudando os presentes, Marcos César Cavalcanti destacou elementos que formam a ligação entre consumidor e mercado. “Aqui estão reunidas empresas que dedicam atenção, carinho e planejamento ao público. Uma demonstração de respeito ao consumidor”, frisou.

Após receber o troféu por comandar a loja de artigos de informática mais lembrada pelo público, a Miranda Computação, Afrânio Miranda mostrou-se grato pelo resultado: “Agradeço ao público, razão pela qual conquistamos esse prêmio”.

Com categorias que vão desde serviços essenciais, como hospital particular, a produtos do cotidiano doméstico, como marca de água potável, o Top of Mind premiou as marcas que fazem parte do dia a dia do natalense. Todas as categorias, bem como seus vencedores, estão disponíveis na edição deste mês da revista Foco Nordeste. 

Pesquisa

Por mais um ano, a pesquisa Top of Mind, edição 2018, feita pela Smart Pesquisa de Opinião para a Revista Foco Nordeste, mantém sua referência como a mais abrangente em seu gênero em Natal, se estendendo a todas as regiões e bairros da cidade. “Buscamos ouvir o natalense nos mais diversos bairros para, somente assim, trazer um panorama sobre como a cidade se relaciona com as marcas”, disse o jornalista Tadeu Oliveira, diretor da Smart Pesquisa.

A pesquisa Top of Mind 2018 realizou 780 entrevistas junto aos consumidores natalenses abrangendo todas as regiões da cidade no período de 5 a 30 de abril.

Musicalidade

A noite do Top of Mind foi marcada por dois momentos especiais dedicado a música. O primeiro contou com a apresentação de um programa, divido em quatro peças, executado pelos músicos da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte. Além de interpretar peças clássicas da música, a orquestra levou duas músicas populares para os instrumentos dos músicos.

Após a entrega do prêmio, mais músicos potiguares uniram poesia e canções para brindar junto ao público presente as conquistas feitas em 2018. O cantor Isaque Galvão conduziu a apresentação.

RN: Motoristas devem ficar atentos ao calendário do Seguro DPVAT

Os proprietários de veículos do Rio Grande do Norte com final de placa 5 e 6 devem realizar, respectivamente, nesta segunda-feira (07/05) e terça-feira (08/05), o pagamento do Seguro DPVAT. No estado, o vencimento da cota única do seguro se estende até julho, de acordo com o final da placa de cada veículo. O calendário completo com as datas de vencimento está disponível no site da Seguradora Líder, administradora do DPVAT (http://seguradoralider.com.br/Seguro-DPVAT/Calendario-de-Pagamento).

Para gerar a guia de pagamento, os motoristas devem acessar o site do Detran RN (http://www2.detran.rn.gov.br/externo/consultarveiculo.asp) ou procurar direto um posto do departamento. Em seguida, o pagamento deve ser realizado no bancos Santander, Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e Caixa/CEF. Todas as informações estão disponíveis no https://www.seguradoralider.com.br/Pages/Saiba-como-pagar.aspx.

O Seguro DPVAT deve ser quitado com a cota única ou primeira parcela do IPVA. No caso de veículos isentos do IPVA, o vencimento do prêmio à vista se dará com o emplacamento ou no licenciamento anual. A quitação do Seguro é condição obrigatória para a obtenção do CRLV, documento que comprova o licenciamento anual do veículo e de porte obrigatório.

Em 2018, o prêmio do Seguro DPVAT não poderá ser parcelado para nenhuma categoria. Com a redução do prêmio para o exercício de 2018, o valor mínimo de R$ 70 por parcela, previsto na Resolução CNSP 332/2015, não será atingido.

Veja abaixo, a tabela completa das datas de vencimento do Seguro DPVAT no RS:

Calendário de Pagamento do Seguro DPVAT
Estado do RN
Final da Placa DPVAT INTEGRAL
0 10/07/2018
1 05/03/2018
2 06/03/2018
3 09/04/2018
4 10/04/2018
5 07/05/2018
6 08/05/2018
7 04/06/2018
8 05/06/2018
9 09/07/2018

Valores de Indenização do Seguro DPVAT

O Seguro DPVAT é um seguro de caráter social que ampara e protege todas as vítimas de acidentes de trânsito em todo o Brasil, seja motorista, passageiro ou pedestre, sem necessidade de apuração da culpa. O Seguro garante três tipos de indenizações: Morte, com indenização de R$ 13.500; Invalidez Permanente, com indenização de até R$ 13.500; e Reembolso de Despesas Médicas e Hospitalares (DAMS) em até R$ 2.700.

Valores dos Prêmios do Seguro DPVAT em 2018:

DPVAT 2018
Tipo de Veículo Categoria Valores a Pagar – Em R$
(com IOF e custo bilhete)
Automóveis e camionetas ​​particulares / oficial, missão diplomática, corpo consular e órgão internacional 1 45,72
Táxis, carros de aluguel e aprendizagem 2 45,72
Ônibus, micro-ônibus e lotação com cobrança de frete (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais) 3 164,82
Micro-ônibus com cobrança de frete mas com lotação não superior a 10 passageiros e Ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete (Urbanos, Interurbanos, Rurais e Interestaduais) 4 103,78
Ciclomotores​ 8 57,61
Motocicletas, motonetas e similares 9 185,50
Caminhões, caminhonetas tipo “pick-up” de até 1.500 Kg de carga, máquinas de terraplanagem e equipamentos móveis em geral (quando licenciados) e outros veículos 10 47,66
                Reboque e semirreboque Isento (seguro deve ser pago pelo veículo tracionador)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Caminhão itinerante da Serasa chega a Natal para levar informações e serviços gratuitos à população

Um projeto tão grandioso quanto a sua missão: o SerasaConsumidor, braço da Serasa Experian voltado ao cidadão, em parceria com a Ativos S. A., adaptou um caminhão de 15 metros de comprimento por 2,60 de largura para possibilitar o acesso a seus serviços gratuitos, proliferando a educação financeira em 39 cidades do Brasil ao longo de um ano. Um barco também foi adaptado para atender cidades da região da Amazônia. Serão mais de 18 mil km rodados para levar informações que contribuam para o desempenho da vida econômica das pessoas. O projeto Itinerante, que teve início em São Paulo, fica em Natal entre os dias 03 e 06 de abril, na praça Pedro Velho (praça cívica), das 8h às 18h.

 

Será mais uma oportunidade oferecida pelo SerasaConsumidor para que o cidadão possa fazer sua autoconsulta de CPF, conhecer sua pontuação de crédito, com o SerasaScore, abrir o Cadastro Positivo, fazer alerta de documentos extraviados e receber orientações para regularização de pendências financeiras e renegociação de dívidas atrasadas. Além disso, também é possível emitir o certificado da Serasa Experian no caminhão. Hoje, os serviços ao consumidor também estão disponíveis gratuitamente no site www.serasaconsumidor.com.br, no entanto, como aproximadamente 50% dos brasileiros não têm acesso qualificado à internet e atualmente cerca de 60 milhões de pessoas estão inadimplentes no país, o SerasaConsumidor vai encarar o desafio de levar informações e serviços apostando em um formato dinâmico e itinerante.

A Ativos S. A., maior Securitizadora do Brasil, com mais de 20 milhões de clientes em carteira, fechou a parceria com o SerasaConsumidor para que seus clientes possam negociar suas dívidas com condições especiais no próprio caminhão. A missão da empresa é auxiliar na regularização das dívidas com vistas a reinserção do consumidor no mercado financeiro. Para saber se a dívida poderá ser negociada, o consumidor tem a possibilidade de consultar no site do SerasaConsumidor e no site da Ativos ou 0800-644-3030.

“Com o projeto, o SerasaConsumidor aumenta o seu leque de canais de atendimento e se aproxima para empoderar ainda mais o consumidor, possibilitando que ele tenha em mãos o seu histórico financeiro e o domínio da sua situação econômica. A falta de tempo ou acesso à internet não podem se tornar empecilhos para que o cidadão tenha acesso à informação de qualidade”, diz o gerente do Serasa Consumidor, Daniel Ebbesen.

Além dos serviços oferecidos pela Serasa no projeto itinerante, a empresa realizou um processo seletivo para o ‘Emprego dos Sonhos’. A vencedora foi a paranaense Débora Mara Bucco, de 28 anos, que terá a missão de viajar por todas essas cidades para conhecer de perto e escrever sobre a realidade financeira das pessoas, seja com exemplos de sucesso, que possam estimular outros consumidores, ou com casos de endividamento e inadimplência, onde seja possível ajudá-los a fazer o melhor uso de suas próprias informações. Débora concorreu com mais de 120 mil candidatos, entre divulgação de vídeo e entrevistas online e individuais, e por um ano terá o salário total de R$ 100 mil (a ser parcelado pelos doze meses).