Cidade

Prefeitura do Natal e Fecomércio RN celebram Dia Mundial Sem Carro; objetivo é incentivar usuário refletir sobre uso excessivo de veículos

  

A Prefeitura do Natal, por meio da parceria entre as secretarias de Comunicação Social, Mobilidade e a Fecomércio RN, uniram esforços para celebrar na cidade o Dia Mundial Sem Carro, na próxima quinta-feira (22).  

A data foi criada com o objetivo de incentivar as pessoas a refletirem sobre os problemas que o uso excessivo dos veículos, nas grandes cidades, pode causar ao meio ambiente e ao bem-estar da sociedade.  

Na capital potiguar, diversas ações estão sendo planejadas, como o incentivo à promoções nas lojas de departamentos de bicicletas, tênis e material esportivo, voltado para o uso de produtos ligados à mobilidade ativa, em parceria com a Fecomércio RN.  

A ideia principal da STTU é aconselhar a população a deixar os carros em casa e experimentar outros meios de deslocamentos que não poluem e nem causam tantos acidentes como os veículos automotivos. E, neste quesito, as bikes são sempre uma das melhores opções para a maioria dos que aderem ao movimento.  

Outra iniciativa diz respeito ao exemplo do diretor do Departamento de Engenharia de Trânsito da STTU, Carlos Milhor, que seguirá de bike até o trabalho na Ribeira, a exemplo do que realiza em boa parte de sua rotina ao longo dos dias do ano. Também será realizada uma versão especial do Ciclo Natal.  

HISTORICIDADE 

O Car-Free Day começou oficialmente na França, em 22 de setembro de 1997, e logo em seguida se espalhou por milhares de outras cidades europeias. Com o sucesso dos eventos, em 2002, a comissão organizadora do Dia Europeu Sem Carro, lançou a Semana Europeia da Mobilidade.  

No Brasil, a data foi comemorada pela primeira vez em 2001, nas cidades de Porto Alegre, Caxias do Sul e Pelotas (RS); Piracicaba (SP); Vitória (ES); Belém (PA); Cuiabá (MT), Goiânia (GO); Belo Horizonte (MG); Joinville (SC); São Luís (MA), onde os participantes organizaram “bicicletadas” para celebrar o dia e conscientizar a população.  

Inspirados no modelo europeu, o Brasil também aderiu à Semana da Mobilidade e, desde 2010, prepara uma agenda com discussões e atividades para ajudar a desenvolver um senso crítico na sociedade sobre os grandes males que o CO2 (gás carbônico) liberado pelos carros e motos podem causar ao meio ambiente e à saúde humana.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: