consumidor

Especialista lista dicas infalíveis para economizar na hora de comprar o material escolar do ano letivo

Após as festas de fim do ano e todas as contas que chegam em janeiro, os pais buscam alternativas para economizar na lista dos materiais escolares. A estimativa é que em 2022, com a alta dos preços e a inflação nas alturas, os gastos com materiais escolares sejam até 30% maiores que em 2021. Nessa época, toda ajuda para economizar dinheiro é bem-vinda para os pais e responsáveis.

Fernando Costa, Marketing da Eu Amo Cupons – startup que oferece cupons de desconto em mais de mil lojas virtuais -, separou dicas importantes para a economia nesses itens essenciais no ano letivo. Confira:

1 – Pesquise e compare valores

É necessário que haja uma pesquisa antes da compra do material. Segundo levantamento do Procon-SP (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor de São Paulo) feito em oito grandes sites de e-commerce há uma discrepância de até 381% no valor de um mesmo produto. Os dados foram colhidos entre os dias 07 e 10 de dezembro de 2021, antes do aumento na procura por esses itens.

2 – Lembrem-se dos cupons de descontos

Para quem quer economizar ainda mais na compra do material escolar, vale ficar de olho nas plataformas de cupons de descontos. Na Eu Amo Cupons, por exemplo, é possível achar cupons para mais de mil lojas virtuais em todo país.

3 – Reaproveitar o material escolar do ano anterior

Antes de ir às compras vale a pena conferir o que não foi usado no ano anterior e tentar reaproveitá-los. Mochilas, estojos, réguas, tesouras e canetas são ótimos exemplos que podem ser reaproveitados.

4 – Compre somente os itens presentes na lista

Algumas empresas estão cheias de armadilhas para que os pais gastem além do estipulado com itens de personagens que fazem parte da brincadeira dos filhos – tudo para que as crianças peçam na hora da compra. Nesse momento é necessário ser firme e comprar somente o que está na lista, de preferência, sem os personagens.

5 – Preste atenção a itens abusivos

O Procon proíbe que as instituições escolares peçam alguns itens, como produtos de limpeza e higiene, administrativos e remédios e não devem ser comprados pelos pais e responsáveis. É proibido, também, a exigência de marcas e lojas para as compras. Por isso, antes das compras analise a lista e verifique se está coerente com o exigido pela nossa legislação. Dessa forma, você evita comprar itens desnecessários para o aluno.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: