Pesquisa

Setor de serviços do Rio Grande do Norte tem redução de 1,2% em fevereiro

O volume de serviços do Rio Grande do Norte recuou 1,2% em fevereiro na comparação com o mês anterior. Por outro lado, 18 unidades da federação tiveram resultado positivo, o que gerou um crescimento na média do Brasil (3,7%). Os resultados são da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada hoje (15) pelo IBGE. 

Essa diminuição do volume de serviços do RN, em fevereiro, está na mesma direção dos demais resultados da pesquisa. Na comparação de fevereiro de 2021 a fevereiro de 2020, o Rio Grande do Norte sofreu uma queda de 14,7%, a mais acentuada do Brasil ao lado da Bahia (14%).

No acumulado de janeiro a fevereiro de 2021, o Rio Grande do Norte e a Bahia também apresentam as maiores diminuições de volume: 13%. Nos últimos 12 meses, o RN acumula um encolhimento de 18,3% nos serviços, uma das maiores perdas do Brasil ao lado de mais seis estados do Nordeste: Alagoas (- 17,6%), Sergipe (- 16,2%), Bahia (- 16,2%), Ceará (- 15,3%), Piauí (- 14,7%) e Pernambuco (- 14,6%).  

Depois de três meses negativos, varejo potiguar cresce 1,8% em fevereiro

O volume de vendas do comércio varejista do Rio Grande do Norte cresceu 1,8% em fevereiro na comparação com o mês anterior. A alta ocorreu depois de reduções nos meses de novembro e dezembro de 2020 e janeiro deste ano. Os dados são da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) do IBGE. 

No Nordeste, Piauí (8,3%) e Pernambuco (3,2%) tiveram os maiores crescimentos no mês. Em seguida, o Rio Grande do Norte se posiciona no mesmo patamar de Sergipe (1,8%), Bahia (1,6%) e Maranhão (1,6%).

Em todo o Brasil, 19 unidades da federação apresentaram variação positiva em fevereiro. A média de crescimento do varejo nacional foi de 0,6%.

Varejo ampliado

No Rio Grande do Norte, o volume de vendas do varejo ampliado cresceu 5,4% em fevereiro. O resultado é superior à média brasileira (4,1%). No Nordeste, a expansão só não foi maior do que as registradas no Piauí (9,5%) e em Pernambuco (7,7%). O varejo ampliado compreende o comércio varejista acrescido de material de construção e “veículos, motocicletas, partes e peças”.

Síntese do RN: fevereiro de 2021

Comércio

PeríodoVarejoVarejo ampliado
Volume de vendasReceita nominalVolume de vendasReceita nominal
Fevereiro/janeiro  1,8%3,2%  5,4%5,8%
Fevereiro 2021/fevereiro 2020  – 5,5%5,0%– 0,4%10,7%
Acumulado 2021  – 3,7%6,6%– 2,0%9,1%
Acumulado 12 meses  – 3,7%3,4%– 4,2%3,2%
Fonte: IBGE, Pesquisa Mensal do Comércio

Serviços

PeríodoVolume de serviçosReceita nominal de serviços
Fevereiro/janeiro– 1,2%  0,3%
Fevereiro 2021/fevereiro de 2020 – 14,7%– 12,1%
Acumulado 2021– 13%– 11,3%
Acumulado 12 meses– 18,3%– 15,9%
Fonte: IBGE, Pesquisa Mensal de Serviços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: