Cidadania

Participe da campanha “Doe Um Instrumento e Toque Corações” do Som Sem Plugs

Mais uma vez o projeto Som Sem Plugs – SSP chega para mostrar o alcance e o poder de transformação que a música tem e, por isso, segue, até o dia 13 de dezembro com a 2ª edição da campanha “Doe Um Instrumento e Toque Corações”.  Para que a ação alcance o objetivo, o SSP precisa da sua participação. Você pode doar, além de instrumentos musicais, acessórios e também alimentos não perecíveis.

A campanha conta com as parcerias das lojas Arte Musical, Natal Groove e a Mar Vermelho Distribuidora. Todos os itens arrecadados serão destinados ao “Ilha de Música”, projeto dedicado a educação e socialização de jovens da Zona Norte de Natal, que utiliza a musicalidade como ferramenta primordial. A doação deve ser feita até o dia 13 de dezembro e você pode combinar a entrega enviando um e-mail para somsemplugs@gmail.com, mandando uma mensagem, através da fanpage oficial do Som sem Plugs em www.facebook.com/somsemplugs/ ou tratar diretamente com a direção de marketing do SSP pelo WhatsApp (84) 99987 9261.

A entrega das doações vai acontecer em um evento especial na sede da Ilha de Música, localizada na comunidade da África, no bairro da Redinha, no dia 14 de dezembro com a participação musical dos alunos e professores do projeto e representantes das empresas patrocinadoras do Som Sem Plugs, imprensa, artistas e contribuintes da campanha. Além das doações realizadas por músicos que já passaram pelo SSP e por qualquer pessoa que possua interesse em contribuir, a campanha busca também a ajuda de empresas e instituições que atuem, direta ou indiretamente, no segmento musical local.

Ilha de Música

O projeto Ilha de Música é desenvolvido na comunidade da África, situada na Redinha (Natal/RN), desde outubro de 2006. Atende crianças e adolescentes da comunidade, com idade entre 8 e 18 anos, oferecendo aulas de musicalização infantil, canto, flauta-doce, saxofone, trompete, trombone, violão e bateria, além de oferecer também café da manhã e assistência de uma psicóloga.

Trabalhar com ações efetivas de estímulo ao desenvolvimento infanto-juvenil com famílias em situação de pobreza, produz um benefício muito grande em diversos aspectos, além de aumentar as oportunidades na vida de cada um. Assim, os programas integrados de desenvolvimento infanto-juvenil podem ser a mais efetiva e simples intervenção para ajudar crianças, adolescentes, famílias, comunidades e nações a quebrar o ciclo de pobreza Intergeracional. O projeto já atendeu durante esses 14 anos mais de 1.500 crianças e adolescentes.

Em agosto de 2009, através da Lei n°9.253 assinada pela governadora Wilma Maria De Faria veio o Reconhecimento de Utilidade Pública do Projeto. Em 2010 recebeu prêmio Hangar, categoria especial para Ações Sociais. Em maio de 2012, participou da “IV Mostra Brasil Juventude Transformando com Arte”, importante evento realizado no Rio de Janeiro, que reuniu por 7 dias grupos de todo o Brasil, oriundos de Projetos Sociais. A seleção para este evento aconteceu através de edital nacional. Os grupos foram escolhidos pela qualidade técnica e arranjos apresentados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: