Gestão Pública

Senado aprova afastamento de Dilma definitivamente

444444444

O plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (31), por 61 votos favoráveis e 20 contrários, o impeachment de Dilma Rousseff. A presidente afastada foi condenada sob a acusação de ter cometido crimes de responsabilidade fiscal – as chamadas “pedaladas fiscais” no Plano Safra e os decretos que geraram gastos sem autorização do Congresso Nacional, mas não foi punida com a inabilitação para funções públicas.

Manutenção dos direitos políticos de Dilma

Na segunda votação após o afastamento definitivo da presidente Dilma Rousseff, os senadores votaram pela manutenção de direitos políticos da ex-presidente Dilma. 42 senadores votaram a favor e 36 contra. Para ficar inabilitada eram necessários 54 votos.

A ex-presidente deverá se pronunciar ainda na tarde desta quarta-feira sobre a decisão final.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s